Início » Produtividade tóxica: o que significa e como evitar?

Produtividade tóxica: o que significa e como evitar?

Com a pandemia e o home office começou um “culto” pela produtividade tóxica.

Resultado? Burnout, cansaço mental e vários outros problemas com a saúde

Você já deve ter ouvido falar sobre, mas sabe realmente o que significa? E ainda mais que isso, sabe como evitá-la?

É isso que vou trazer para você aqui nesse artigo. Vamos lá?

Produtividade tóxica: o que é e como evitar?

O que é produtividade tóxica?

O conceito de produtividade tóxica sempre existiu e inclusive está enraizado por aí na nossa sociedade.

Sabe aquela sua amiga que tem uma filha que faz balé, judô, inglês, violão, catequese e sei lá eu mais o que?

Pois é… desde a infância essa menina tá sendo “exigida” por uma produtividade que convenhamos ela nem precisa ter.

Isso acontece e muitoooo! Mas não para por ai…

Da mesma forma ocorre no ensino médio: “você deve estudar enquanto eles dormem”, tirar nota boa na prova, tirar nota boa no vestibular, ser um filho presente, ser um amigo bom…

Mas claro, não podemos esquecer da faculdade e primeiro emprego:

  • “sua prima já tá com uma empresa”
  • “o melhor seria você montar seu próprio negócio”
  • “trabalha duro pra ganhar a promoção”
  • “esquece a vida social”
  • “a filha de fulana só tira 10 na faculdade”

Entre muitas outras frases que ouvimos que simplesmente estão sempre exigindo que a gente não pare um segundo…

“Você não tá produzindo nada? MINHA NOSSA!!!! Cuida dessa procrastinação.”

No entanto percebi o quanto isso piorou na pandemia.

Com certeza você deve ter visto algo assim na rede social:

A pessoa que ficava se vangloriando por ter feito pão, trabalhado, meditado, treinado, estudado, tomado banho, cuidado do filho, brincado com o cachorro e ainda sobrou um tempinho pra ler.

Fala sério…

Você não precisa salvar o mundo o tempo todo, tá tudo bem tirar 5 minutos e simplesmente relaxar.

As vezes o corpo só precisa de 5 minutos de descanso, de simplesmente “não fazer nada”.

Por outro lado, eu sei que normalmente quando estamos com tempo livre queremos ocupar fazendo algo (será que foi dai que saiu tanta gente fazendo pão nessa pandemia? rs).

Porém mesmo nessas atividades que deveriam ser relaxantes seu cérebro fica a mil.

Portanto o tempo do descanso também é necessário para evitar o esgotamento emocional, cansaço mental, fadiga e até mesmo o burnout.

Dessa forma, para você perceber se está vivendo nesse caos de produtividade tóxica, pode identificar alguns sinais que aparecem:

  • estresse e ansiedade fora do normal
  • esquecimentos frequentes
  • mente cansada o tempo todo
  • sentimento de cansaço e esgotamento que não passa
  • dorme mas acorda mais cansado do que estava
  • problemas com insônia
  • não faz nada além de trabalhar
  • deixa de fazer coisas para produzir

Mas afinal, o que isso causa?

Por consequência, aparece essa quantia bizarra de ansiedade que a gente tem todo dia.


Sem falar de depressão… Ao mesmo tempo que mexe muito com questões hormonais, como o que ocorre com o cortisol.

O cortisol é um hormônio que é estimulado quando você está trabalhando ou concentrado em algo.

E em contrapartida, ele cai quando temos momentos de relaxamento e descanso.

Por isso, o que tem que ser lembrado, é que se ele está sempre alto pode trazer problemas.

Como por exemplo:

  • aumento de peso (e principalmente a gordura abdominal viu… Olá culotes!)
  • dificuldade de aprendizagem
  • problemas de memória
  • diminuição do testosterona (sim, sua libido vai pro além.. sem sexo pra você minha amiga)
  • menstruação irregular
  • entre outras coisitas mais

Aliás, isso pode afetar também sua serotonina, que é o famoso hormônio do bem estar.

Assim sendo, propicia o aparecimento de quadros de depressão, crises de ansiedade.

Além disso, seu cérebrozinho vai ter muita dificuldade em parar, ele vai estar constantemente fazendo sinapses.

O que obviamente não é saudável, é como estar o tempo todo estimulando algum músculo do seu corpo, uma hora ele cansa né?

Será que produzir tanto vale tanto a pena assim?

Como evitar a produtividade tóxica

Mas afinal como evitar isso tudo?

Já te adianto que não é nada difícil e nem o fim do mundo, pode acalmar pequeno gafanhoto.

Muitas vezes você não precisa ficar trabalhando ou produzindo 24h por dia pra ser produtiva, só precisa fazer as tarefas necessárias.

Ninguém aqui quer atrapalhar seus afazeres ou impedir que você cumpra suas metas.

Apenas que você mantenha o equilíbrio entre lazer, descanso e trabalho, de forma que preserve sua saúde mental.

Vamos as dicas:

  1. Organize suas tarefas e estabeleça o que fazer diariamente: para isso leia esse artigo sobre apps que podem te ajudar.
  2. Tenha uma boa noite de sono: caso sofrer com muita insônia você pode testar a higiene do sono ou até remédios naturais.
  3. Mantenha sempre hábitos diários para ajudar na sua saúde mental.
  4. Viva o momento: aproveite seus amigos, sua família, faça atividades para descansar e use o método hygge.

Com essas poucas orientação implementadas no seu dia a dia, tenho certeza que sua vida (e seu trabalho) ficarão mais leves e até gratificantes.

E não se esqueça: NADA vale a nossa saúde mental.


3 comentários em “Produtividade tóxica: o que significa e como evitar?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao topo